PEGO DAS PIAS – PRAIA FLUVIAL SELVAGEM A 5Km DE ODEMIRA! ALENTEJO

5.00 avg. rating (93% score) - 1 vote

Praia Fluvial Pego das Pias

A praia fluvial do Pego das Pias  é uma zona fluvial para os amantes da natureza ou jovens aventureiros. Encontra-se num local isolado, entre rochas e escarpas, que com a erosão provocada pela água criou arcadas e espelhos de água num maciço rochoso. Pode saber a previsão do tempo para os próximos 7 dias na Praia Fluvial do ego das Pias á direita.

O verde da natureza em redor estende-se pela água da Ribeira do Torgal, dando assim um aspeto ainda mais mágico e edílico a estas piscinas fluviais naturais!

água do Pego das Pias

A zona fluvial a água tem uma temperatura agradável de verão para tomar banho ou principalmente para dar saltos para a água, pois tem vários locais rochosos para saltar e também cordas com um pau na ponta para baloiçar e cair na água. A maioria da zona tem bastante profundidade, só mesmo no inicio é que tem uma zona que tem “pé”.

Zona de Saltos para a água no Pego das Pias

È uma zona normalmente sossegada com pouca presença humana até porque não há qui nenhumas infra-estruturas de apoio, e a praia não é muito conhecida, pois não faz parte das listas de praias fluviais de Portugal que normalmente existem. Mas com o passa palavra vai sendo cada vez mais conhecida e já aparecem grupos de jovens, que levam tendas ou autocaravanas e passam por alí uns dias em comunhão com a natureza do Alentejana.

Vídeo da Praia Fluvial do Pego das Pias


O Pego das Pias é essencial para a manutenção da biodiversidade do Torgal, pois em situações de seca prolongada, os pegos (concavidades nas rochas) são os únicos refúgios para muitos animais.

Localização e Itenerário para chegar á praia do Pego das Pias

Seguindo pela N120 que faz a ligação entre Santiago do Cacém e Lagos, um pouco antes de chegar a Odemira, (entre São Luis e Odemira) mesmo antes da Ponte sobre a Ribeira do Torgal, á esquerda há um estradão de terra batida.

Pode optar por deixar o carro ao lado da N120 e caminhar por um percurso pedestre ou então ir na “estrada” de terra batida que terá de estacionar o carro a meio do caminho, pois este não vai até lá (a não ser que tenha um 4×4).

Seguindo por esse trajeto cerca de  vai encontrar um oásis selvagem que é a Praia Fluvial do Pego das Pias. As coordenadas GPS são: 37.644419, -8.618838 ou 37°38’39.9″N 8°37’07.8″W . Mapa da Localização exata abaixo.

O nome Pego das Pias é devido às cavidades circulares das rochas, provocadas por redemoinhos que acontecem quando o nível da água é maior do que ao atual, e também da Lenda do Pego das Pias

A Lenda do Pego das Pias

Conta a lenda que um lavrador tinha uma filha, que era a menina dos seus olhos.

Certo dia a filha adoeceu gravemente. O pai, como a filha era a melhor coisa na sua vida, prometeu a um santo uma junta de bois e uma grade de ouro se a filha ficasse boa.

A filha curou-se, mas o lavrador não pagou o que tinha prometido.
Como a filha tinha o hábito de ir beber água no Pego das Pias, que era também onde os bois iam beber, ficou encantada.

Só quem for capaz de segurar a grade e os bois que vêm ao cimo da água na manhã se S.João poderá desencantar a filha do lavrador.
Diz-se que muitos já viram a grade e os bois, mas nunca ninguém conseguiu segurá-los…

Imagens da Praia Fluvial do Pego das Pias

Viaturas estacionadas ao lado da praia fluvial do pego das Pias
Fazer fogo não é aconselhável
Passagem para a outra margem da Ribeira
Passagem de pedras
Percursos pedestres na natureza ao lado da praia fluvial do Pego das Pias
Placa Ribeira do Torgal já danificada

Percurso da N120 até ao Pego das Pias

Percurso da N120 até ao Pego das Pias
N120 Pego das Pias
Ponte sobre a Ribeira do Torgal
Sair da N120 e entra no estradão para o pego das Pias
Zonas verdejantes com sombra para campismo
Caminho para a praia fluvial em grupos de jovens
Acesso á praia fluvial muito difícil para viaturas - Pode ficar atolado
Praia Fluvial da Tapada Grande na Mina de São Domingos - Mértola
Praia Fluvial Santa Clara - Odemira
Tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.