Praia Fluvial de Fragas de São Simão – Figueiró dos Vinhos

5.00 avg. rating (95% score) - 2 votes

Parque de Merendas das Fragas de São SimãoA época balnear na praia fluvial de Fragas de São Simão em 2020 tem inicio a 1 de julho e termina a 15 de setembro.

A praia das Fragas de São Simão advém do seu nome das Aldeias que circunda a Praia, que são a do Casal de São Simão e Ponte de São Simão que ficam ali perto e o termos “fragas” tem tudo a ver pois ao chegar ao local vê-se a uma praia fluvial assustadoramente bela das rochas esculpidas pela água que passa por aqui e que vai deixando as suas marcas ao longo do anos.

Pode saber a previsão do tempo que vai fazer nos próximos 7 dias na Praia Fluvial da Fragas de São Simão á direita.

Praia Fluvial Fragas de São Simão

Fica situada na Ribeira de Alge entre duas grandes Fragas que tem mais de 50m de altura onde se pode praticar desportos radicais. A praia foi inaugurada em 24 de junho de 2000 pelo Secretário Estado Adjunto das Obras Públicas Dr. Luís Parreirão.

Infra-Estruturas da Praia das Fragas de S. SimãoPraia Fragas de São Simão

  • Praia Bandeira Azul
  • Praia Acessível
  • Praia Vigiada (apesar de nas fotos dizer que a praia não estar vigiada, mas foi por motivos de saúde do nadador salvador)
  • Espaços verdes e sombras
  • Água fria para banhos mas translúcida
  • Parque de Merendas
  • WC com Chuveiros
  • Churrasqueira
  • Bar/Restaurante de apoio á praia
  • Desportos radicais – rappel, slide ou escalada
  • Parque de estacionamento  – Fica a cerca de 300 m da praia a descer bastante em caminho de pararelos ( e consequentemente terá de subir)
  • Parque de estacionamento para pessoas incapacitadas – Ao lado da praia
  • Praia acessível para para a água para cadeiras de rodas
  • Ponte Pedonal sobre a Ribeira de Alge  – Como esta é de madeira tem no chão uma rede para não escorregar pois o chão está sempre molhado do banhos na água translúcida e fria
  • Mini Parque infantil
  • Caminhos pedestres
  • Fonte de água potável
  • Moinho “do Pires”
  • Miradouro das Fragas de São Simão (fica mais acima no acesso á praia fluvial)
  • Moinho das Fragas
  • De 1 a 31 de agosto, há transporte gratuito à tarde, a partir de Figueiró dos Vinhos.

A sua localização é muito boa pois fica perto da A13 mesmo ao lado do IC8 a cerca de 5min depois de sair na saída que diz “Aguda, Fato, Salgueiro da Ribeira e a placa que sinaliza a praia das Fragas de S. Simão. As coordenadas GPS são 39.915917, -8.316761 ou 39°54’57.3″N 8°19’00.3″W

Mapa da Localização da praia fluvial

Video das Fragas de São Simão e área circundante

Imagens da Praia das Fragas de São Simão

Placa inauguração Praia Fluvial Fragas S. Simão

Caminho do Xisto de Casal de S. Simão

O percurso desenvolve-se na envolvente do Casal de S. Simão, passando pelas Fragas de S. Simão, pela sua Praia Fluvial e pelas povoações do Além da Ribeira, Ponte do Brás Curado e Saonda. Ao longo das Ribeiras de Alge e do Fato, ricas em vegetação ripícula, típica da floresta laurissilva, podem ser observadas as antigas levadas que transportavam a água para as azenhas. Este percurso possui urna variante (PR 1.1) que permite encurtar a sua distância, passando pelo Além da Ribeira, onde as azenhas ainda moem os cereais.

Património natural

Nas linhas de água que abundam neste território, repletas de antigas levadas e moinhos, testemunhos de um passado de ocupação humana, ainda é possível encontrar algumas manchas de flora origi-nal desta região, caracterizada pela presença dos azereiros (Prunus lusitanica), do feto-real (Os-mundo regalis) e do feto-fêmea (Athyrium filix-fe-mina), sombreados pelo carvalho-alvarinho (Quercus robur), amieiro (Alnus glutinosa), san-guinho (Frangula alnus) e sabugueiro (Sambucus nigra).
Os bosques de Sobreiros (Quercus suber), Castanheiros (Castanea sativa) e de Louráceas subsistem nas encostas da zona das Fragas de S. Simão. Quanto à diversidade faunística, regista-se a presença da Salamandra-de-pintas-amarelas (Salamandra salamandra), da salamandra-lusitã-nica (Chioglosso lusitanica), da rã-ibérica (Rano ibérico), do guarda-rios (Alcedo atthis), do melro–d’água (Cinclus cinclus), da garça-real (Ardeu cinéreo), e do rabirruivo-preto (Phoenicurus ochruros).
Facilmente encontramos vestígios da existência de lontras (Lutro lutro) nestas águas. Por entre a vegetação escondem-se muitos mamíferos, com destaque para a raposa (Vulpes vulpes), a geneta (Genetta genetto), o saca-rabos (Herpes-tes ichneumon), o gato-bravo (Felis silvestris), o toirão (Mustela putorius), a doninha (Mustela ni-valis). Todas estas caçadoras andam em busca de algum coelho (Oryctolagus cuniculus), ou lebre (Lepus gronotensis).

Praia Fluvial do Poço da Corga - Castanheira de Pêra
Praia Fluvial Ana de Aviz na Aldeia de Ana de Aviz em Figueiró dos Vinhos, Leiria
Tagged , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.